PROJETOS

Todos Educação Ambiental Fomento Florestal Neutralização de Carbono

- João Penido - Itaú Eco Mudança

Recuperação da mata ciliar na Represa Dr. João Penido no Município de Juiz de Fora/MG

Objetivos do Projeto:

Recuperar 50 nascentes que contribuem diretamente para a recarga hídrica da Represa;

Contribuir para recarga hídrica do lençol freático;

Contribuir com a neutralização de carbono;

Preservar a flora e da fauna do local e formar corredores ecológicos; Melhorar a qualidade da água do principal manancial de abastecimento de Juiz de Fora/MG.

A Represa:

Área de 68km²;

34 % de sua capacidade em Janeiro de 2015 – Tribuna de Minas, 2015;

Contribuição de 600l/s em junho de 2015. 37% de sua capacidade. JF dependente da Represa João Penido – Tribuna de Minas, 2015.

Pelo menos 09 córregos tributários possuem nascentes em áreas rurais.

Fotos


- PROMATA – Programa de Mata Atlântica

A AMAJF desenvolve projeto de Fomento Florestal na região denominado PROMATA – Programa de Proteção da Mata Atlântica. O PROMATA é uma iniciativa do Instituto Estadual de Florestas do Estado de Minas Gerais em parceria com a AMAJF e a ONG americana TNC The Nature Conservancy.

Esse Programa ao longo de 3 anos vem implementando atividades de preservação neste importante ecossistema, que se encontra fragmentado e sob grande pressão urbana.

Na região da Zona da Mata e Vertentes apenas a ONG AMAJF, foi aceita para fazer parte deste Programa. A Associação pelo Meio Ambiente de Juiz de Fora – AMAJF é responsável pelo PROMATA nos Municípios de Juiz de Fora, Santos Dumont, Matias Barbosa, Simão Pereira, Bicas, Belmiro Braga e Ewbank da Câmara.

A intenção da AMAJF é ampliar a área florestada com espécies da flora nativa da Mata Atlântica principalmente em áreas de preservação permanente (ao longo de córregos e nascentes). Também como objetivo desta iniciativa cita-se a disseminação da conscientização popular da importância da preservação da Mata Atlântica e demais valores agregados à questão ecológica.

O Projeto consiste em cadastrar propriedades rurais e destacar áreas de relevância para reflorestamento ou regeneração natural.

Até julho de 2010 foram cadastrados 1800 hectares dos quais, dos quais 500 hectares com plantio de mudas e 1300 com apenas cercamento da área para regeneração natural. O produtor que quiser participar do Programa receberá a título de incentivo financeiro/fomento florestal a quantia de R$ 140,00 a 300,00 por hectare por ano para manter a sua área cadastrada protegida, mediante um convênio firmado com a AMAJF, TNC e o IEF, além dos insumos para plantio e cercamento da área. A propriedade deve estar inserida em bacia hidrográfica estratégica e cada área não deve ser maior que 40 hectares, possibilitando a adesão de um maior número de proprietários.

Certamente essa característica do Programa é de fundamental importância, pois visa fixar as famílias no campo e ao mesmo tempo proporcionar complemento financeiro ao produtor. Os últimos dados dos beneficiados e da área afetada pelo projeto podem ser conferidos a seguir:

Produtores Cadastrados

Propriedades Cadastradas e Insumos Distribuídos

Para mais informações, basta entrar em contato com a nossa coordenação (32) 99175-4849 ou pelo emailcontato@amajf.org.br.


- Plante essa ideia!

1 INTRODUÇÃO

A Associação pelo Meio Ambiente de Juiz de Fora – AMAJF, é uma organização não governamental, sem vínculo partidário ou religioso, de cunho privado, fundada em 1996. Durante esse período vem desenvolvendo trabalhos de proteção de recursos naturais e conscientização ambiental com o objetivo de estimular a mudança de comportamento da sociedade, garantindo a qualidade ambiental da região onde atua. São projetos reconhecidos nacionalmente e que integram setores estratégicos da gestão ambiental brasileira.

A Associação criou o Centro de Educação Ambiental (CEA) para o desenvolvimento efetivo de projetos e ações de educação ambiental, onde recebe público de várias idades e classes sociais.

Neste sentido, através do trabalho voluntário prestado, foi criado o projeto “Plante essa ideia”, que conta com a participação de alunos da área ambiental e também daqueles que se preocupam e querem colaborar com o meio ambiente.

Com a elaboração de diversos projetos, a AMAJF acredita estar colaborando para a melhoria das condições sociais e ambientais da comunidade regional, na busca por um desenvolvimento que seja sustentável.

2 EQUIPE EXECUTORA

NOME e FORMAÇÃO

Ana Cláudia Queiroz de Souza Reis, Graduanda em Gestão Ambiental

Elvis Pavonne Oliveira, Graduando em Gestão Ambiental

3 OBJETIVO GERAL

O projeto “Plante essa ideia” busca o aumento significativo da conscientização e sensibilização ambiental do público alvo. Foca, deste modo, na educação ambiental, mostrando a diversas classes sociais a importância de se conservar não só meio em que vivemos, mas todo seu entorno.

4 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

- Sensibilizar e conscientizar o público presente nos lugares visitados, promovendo a educação ambiental;

- Distribuir panfletos de conscientização e sementes de diversas espécies nativas para que sejam semeadas;

- Alertar o público alvo para os problemas ambientais físicos e naturais que vem ocorrendo por ações humanas indevidas;

- Promover a sustentabilidade para conseqüente desenvolvimento social das diversas gerações envolvidas no projeto.

5 PÚBLICO ALVO

O público beneficiado diretamente envolve aqueles presentes nos locais de conscientização, dentre eles crianças, jovens, adultos e idosos.

O público beneficiado indiretamente é a população no geral, multiplicando as atitudes e contribuindo para melhoria social e ambiental de toda região.

6 METODOLOGIA

Durante a execução do projeto, serão distribuídas sementes de diversas espécies nativas, além de cartilhas de conscientização para promoção da educação ambiental.

Para cada indivíduo será esclarecida a forma de plantio das sementes e o local apropriado para replantio no campo.

Além disso, ao público alvo serão levadas curiosidades e informações relevantes para a conservação ambiental, consequente melhoria da qualidade de vida e busca pela sustentabilidade.